domingo, 29 de novembro de 2009

Vídeo flagra presidente da Câmara do DF guardando dinheiro na meia

Imagens que teriam sido gravadas em 2006 mostram o presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal, Leonardo Prudente, recebendo dinheiro do então presidente da Codeplan (empresa do DF), Durval Barbosa. O vídeo está entre os cinco DVDs que a Folha teve acesso e que fazem parte da investigação de um suposto esquema de pagamento de propina para parlamentares da base aliada do governo na Casa.

As imagens mostram o próprio Barbosa, que até sexta-feira era secretário de Relações Institucionais do governador do DF, José Roberto Arruda (DEM), entregando dinheiro a Prudente. Na sequência, o presidente da Câmara aparece guardando as cédulas nos bolsos do paletó e nas meias.

http://www1.folha.uol.com.br/folha/videocasts/ult10038u659275.shtml

Entre os supostos envolvidos no esquema estão Arruda, o vice-governador do DF, Paulo Octavio (DEM), além de Prudente.

Um outro vídeo feito por Barbosa mostra Arruda recebendo dinheiro. O governador é o centro das investigações da operação Caixa de Pandora, deflagrada pela Polícia Federal na última sexta-feira (27), quando foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão de equipamentos, dinheiro e documentos em Brasília, Goiânia e Belo Horizonte.

Sobre o vídeo envolvendo Prudente, a assessoria do parlamentar disse que ele desconhece as imagens e que não vai se pronunciar sobre o assunto. Já a Polícia Federal está fazendo uma perícia para comprovar a autenticidade dos vídeos.

Um comentário:

João disse...

É uma vergonha esse país.
CORRUPÇÃO que não acaba mais...

A paciência do povo brasileiro está acabando, pena que esse mesmo povo, iludido com o pão e circo do governo federal e inerte perante a mudanças políticas não manifesta sua revolta, existente, porém oculta.

Profº Jorge, é revoltante saber o que acontece e ao mesmo tempo saber que nada pode ser feito de imediato para o fim desta falcatrua. Necessitamos de políticos competentes e, principalmente, honestos ( qualidade quase que extinta na classe política... ), tanto no âmbito local, regional, estadual e federal.

Chega de sacanagem com o eleitor!!!!
Pena de morte para os corruptos!!!!!

Att, João.