quarta-feira, 25 de novembro de 2009

MILÍCIA E PM ATACAM INDÍGENAS TERENA EM MATO GROSSO DO SUL

No dia 19 de novembro, por volta das 12h, uma milícia fortemente armada, composta por 30 fazendeiros e 60 homens da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, invadiram sem ordem judicial a área ocupada por indígenas Terena da Terra Indígena Buriti, no município de Dois Irmãos do Buriti, Mato Grosso do Sul. A milícia expulsou os indígenas da área fazendo uso de ameaças, agressões físicas e verbais. Dois índios Terena ficaram feridos.

A ocupação feitas pelos indígenas na Fazenda ?Querência São José? foi garantida pela Justiça Federal de Campo Grande que julgou extinto o processo de reintegração de posse movida em nome do espólio do fazendeiro Munier Bacha. A Polícia Federal de Campo Grande confirma não haver nenhuma ordem da Justiça Federal para o despejo dos indígenas, o que significa que a ação da milícia é ilegal e abusiva, pois não está amparada pelo judiciário.

Leia a matéria completa

Nenhum comentário: